'Mataram meu bebê', diz pai de criança morta com tiro na cabeça.

Ir em baixo

'Mataram meu bebê', diz pai de criança morta com tiro na cabeça.

Mensagem por [N]ewrotico em Sex Fev 07, 2014 5:03 pm





Caso aconteceu em Cabo Frio, no RJ; mãe grávida também foi atingida.
Moradores dizem que tiros foram de policiais; ônibus foram incendiados

Daniel Telles chora na porta do hospital pela morte da filha de apenas um ano


Daniel Telles dos Santos, de 33 anos, está revoltado com a morte da filha de um ano de idade. O bebê morreu após uma operação da Polícia Militar que aconteceu na tarde desta quinta-feira (6) no bairro Monte Alegre, nas localidades conhecidas como Beco do Rato e Estradinha, em Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio de Janeiro.

A mãe da criança, que está grávida de cinco meses, também foi baleada. Gracielle Correia de Albuquerque, com a idade ainda não revelada, estava na rua de casa, com a filha no colo, quando foi atingida. Daniel Telles e moradores acusam policiais militares de serem os responsáveis pelos disparos que baleou a esposa e matou a filha.

''Os policiais já entraram atirando. Eles atingiram minha mulher e minha filha e fugiram. Foram covardes, nem ajudaram a socorrer. Minha filha chegou morta. Mataram meu bebê. Acabaram com minha vida'', disse o pai.

Segundo a assessoria da Secretaria de Saúde, a mãe da criança foi baleada no queixo e está internada no Hospital do Jardim Esperança. Familiares disseram que logo depois de ter dado entrada na unidade de saúde, Gracielle Correia fugiu, querendo saber notícias da filha. A assessoria da Secretaria de Saúde não confirmou a informação.

O comandante da Polícia Militar em Cabo Frio, tenente-coronel Ruy França, lamentou o ocorrido e afirmou que vai investigar o caso junto com a Polícia Civil para saber de onde partiram os tiros. Diversas viaturas foram deslocadas para a localidade e ainda há intensa troca de tiros entre a polícia e bandidos.

Incêndio Cabo Frio (Foto: Heitor Moreira)
Ônibus foi incêndiado por moradores após morte de
bebê de um ano (Foto: Heitor Moreira)

''Tô aqui no meio de uma guerra. Eu e Deus. Agora é saber o que vai acontecer. Botaram fogo nos ônibus e eu preciso sair daqui. É muita injustiça o que fizeram com a bebê. Tirar vida de criança é ser covarde demais'', disse uma moradora que preferiu não se identificar.

Sargento é baleado e homem é morto com tiro de fuzil
Um sargento da Polícia Militar ficou ferido após uma troca de tiros. Segundo o comandante Ruy França, ele foi baleado na cabeça e transferido para o Hospital Regional de Araruama. Não há informações sobre o estado de saúde do policial. A outra morte confirmada é a de um homem, de nome Gabriel, de 20 anos, que levou um tiro de fuzil na boca.

Ônibus incendiados
Segundo relatos de moradores, pelo menos quatro ônibus foram incendiados na cidade por moradores. A assessoria da Auto Viação Salineira confirmou apenas dois ônibus. O fogo atingiu a rede elétrica e deixou alguns bairros próximos ao local do incidente sem luz e os moradores ficaram muito assustados.



[N]ewrotico
Admin

Mensagens : 25
Data de inscrição : 20/01/2014

Ver perfil do usuário http://f1mais.directorioforuns.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum